Páginas

sábado, 7 de abril de 2012

7 de abril



Calos nos pés não são bons, eles incomodam e cada vez que o solado do sapato alcança um novo passo, machucam. Eu não tenho calo nos pés como você, menino, mas o que há em mim dói como tal, até mais.
Eu me perguntava toda noite antes de dormir: Se eu desejar que pare de doer, que me deixe respirar em paz, se eu desejar esquecer tudo que foi ruim, e que as poucas lembranças boas não signifiquem nada, se eu desejar muito, muito mesmo, serei atendida? Mas não vai existir alguém que apague minhas memórias, não basta fazer pedidos a estrelas cadentes e esperar que tudo se resolva. Eu já cresci, e o conto de fadas que tentei escrever um dia, chegou ao fim.
 Você traiu uma lembrança e alterou seu conto, mas talvez consiga um final feliz com a princesa que escondeu o coração dentro de um diamante. E eu percebi que ainda dói por que insisto em assuntos que machucam e abrem ainda mais minhas feridas, mas como o calo nos seus pés, vai parar de doer, vai cicatrizar. É questão de tempo, e só depende de mim. Estou erguendo minha cabeça, e construindo tijolo por tijolo um novo futuro. 

3 comentários:

O banquete de Edson disse...

pensar no futuro é bom, mas não com muita frequência. Vivamos o presente, sentir a vida fluindo. MAS SENTIR QUE VC ESTÁ CRESCENDO POR DENTRO ISSO É MUITO BOM. ABRAÇO.

Silas Torres disse...

crescer.... passar a pensar como todo mundo.

até o próximo encontro molecular minha princesa... até...

manter-se aluado, desconsertado, descontrolado e vivo. POESIA. a beleza só pode ser vista pelos olhos dos sonhadores. POETA. sofrer é uma etapa do amor, aquele que vocês não acreditam. CRESCERAM.

António Jesus Batalha disse...

Ao visitar alguns blogs me deparei com o seu, e quero dar-lhe os parabens por partilhar o seu saber, gostei por isso deixo aqui um convite:
Ficaria radiante se visita-se o meu blog, e leia alguma coisa, meu blog é um blog cristão que fala de diversos assuntos,
É o Peregrino E Servo.
Desejo muita paz e saúde.