Páginas

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

morde-assopra.

Eles brigavam, quase, o tempo todo...
Mesmo quando não tinham motivos, mesmo quando estavam bem.

Provocavam, procuravam, encontravam.

Brigavam, algumas vezes, por brincadeira, outras para descontar algo que o outro fizera.

Mordidas, gritos, tapas, e, em seguida, risos, lágrimas ou suspiros. Ou, quem sabe, as três coisas juntas? Bem, não sei. Talvez.

É fato que, mesmo com todas aquelas brigas, eles se gostavam... De verdade. Mesmo não aguentando ficar muito tempo um ao lado do outro sem se provocar, discutir, ou sair brincando-brigando, eles se gostavam. E ela sabia, poderia contar com ele. Para – quase – tudo.

Brigavam, quase, o tempo todo, mas tinham o apoio um do outro também.

Ajudavam-se, queriam, amavam.

Brigavam. Ela gritava, ele ria ou ficava inexpressivo.
E, depois, lá estavam os dois agarrados novamente.
Era um verdadeiro morde-assopra.


Pamela.

13 comentários:

Silas Torres disse...

filme?

Livia Carlos disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Pamela. disse...

não, silas.

Livia Carlos disse...

aaaaai se amam *-*

muito booooom o texto :B

Ramos disse...

Ai o outro da um soco, o outro uma voadora UHAUHAHAUAH
-parei...
Quem briga se ama também, -fatasso.. Por isso que eu te 'incomodo'... que é pra gente brigar também UAHAUHAUHA
O que vc disse lá no meu blog, eu gostei *__*, sério =DDD
Também considero o mesmo entre agente \o/
Amigo de blog, sempre amigo ;)
xD
Bjaum ♥

jorge luiz disse...

ficou massa paminha,
mas vc tem q parar essa mania de morder o povo oo"

muito bom
:*

Malu Civelli disse...

QUERIDAA,
Tem selinho lá no blog p vc lá no meu blog.

Jáh estou te seguindo.
Se quiser me seguir será uma honra.
BJOO

http://atuallizaglam.blogspot.com/

Sam disse...

own, que lindo. :~~

Matheus W. disse...

Adorei o post e seu estilo de escrita. Lembrei de uma coisa mega ultra brega quando li:

"Entre tapas e beijos
é ódio, é desejo..."

Huhasdhuahsudhuasdhuasuhda

Fantasmas da minha infância - como Leandro e Leonardo - vira e mexe me perseguem!
Rsrs

RUBIARA FARIAS disse...

O texto combina muito comigo, um amigo, primeiro namorado, que gostava de mim ... um dia sem brigar era muito, discordavamos sempre (na verdade, ainda discordamos) e cá estamos nós de novo, juntos e apaixonados. ;s
Beijos, Pam. ;*

http://in-toleravel.blogspot.com

lglopesalcantara disse...

Otimo blog.
Escreve muito bem, nem sabia que tinha um blog. Vir agora no msn. Bem sua cara ele.

Vou me atrever a dar um ''pitaco'' sobre o texto. Não que esteja ruim, de forma alguma. So tenta não repetir muito as palavas, ja que o mesmo não se trata de uma poesia certo?

Mais adorei o blog, visita-lo sempre que possivel.

Quando tiver tempo visita o meu.
Abraço

www.thelostmemory.net

Melissa disse...

Bicha feeeeeeeeeia! Tenho 5 selinhos pra voce no meu blog.

http://glittererocknroll.blogspot.com/

Silas Torres disse...

selinho de cú é rola.